terça-feira, 31 de julho de 2012

Crescimento no horário nobre do SBT

No dia 21 de maio estreou, na faixa nobre do SBT, a novela com maior excesso de divulgação (que eu já vi) da televisão brasileira. O sucesso de Carrossel foi imediato, alavancou a audiência da emissora. A novela infantil fisgou um público que não costuma assistir televisão aberta no horário em que é exibida, ou seja, a produção trouxe crianças da tv a cabo e do vídeo-game. Os números alcançados pela sua antecessora, Corações Feridos, eram de 6 pontos, já Carrossel atinge médias de 12. Nas segundas-feiras, por exemplo, dia de maior share (número de televisores ligados) a novela chega aos 15 pontos.
Outro produto beneficiado pelo bom desempenho da trama infantil é o Programa do Ratinho que agora costuma marcar entre 6 e 8 pontos diariamente. Maiores investimentos nas produções, os novos quadros e a instabilidade da grade de programação da Record, que em outros tempos superava Carlos Massa com o seriado CSI, favoreceram o crescimento do apresentador no horário mais disputado da televisão brasileira.
Para se ter melhor entendimento sobre a boa fase do SBT na faixa nobre, é que o programa do Ratinho foi esticado até as 22h50, ou seja, a atração deixou de ser um simples concorrente das novelas da Rede Globo.


No primeiro post que eu fiz neste blog, apresentei os erros do canal da Anhanguera em alterar o horário do humorístico A praça é Nossa, que por consequência disso perdeu a vice-liderança, mas com o recente crescimento da emissora de Silvio Santos o programa recuperou o fôlego e voltou a marcar ótimos índices (9 pontos) nas noites de quinta-feira.
Um fato que precisa ser destacado é a conquista do segundo lugar pela Record no horário em que é exibido o programa A Fazenda, porém a produção enfrenta momentos finais do Ratinho e um pouco da linha de shows do SBT que continuam com a mesma média que já possuíam antes da atual temporada do reality e que recuperam a vice com o encerramento da atração que ocorre a partir das 23h25.